Plano de parto: o que é isso?



Olá famílias, tudo bem?

Alguns que já me acompanham sabem que eu tive meu primeiro parto normal sem querer e o segundo parto cesáreo sem querer também (rsrsrs). Mas isso é longo papo para outro post!

A história é que com o primeiro parto normal sem conhecer o processo, decidi me preparar mais para o segundo, já que dessa vez era meu desejo jenuíno. Com isso, conheci muito o trabalho das doulas e fiz grandes amigas que tem esse linda missão (e trabalho sério de amor).

Convidei a doula Dayana Oliveira para falar um pouco sobre Plano de Parto e explicar o que é, qual a importância de fazer um bom plano de parto.

Leia também o post de outra doula amiga que faz um lindo trabalho em Salvador, a Jucy Santos – O papel da doula no parto

Vamos aprender mais!

 
PLANO DE PARTO O QUE É ISSO
 

 
Em meio às dificuldades que as mulheres encontram no cenário obstétrico, de ter seu parto como um momento único, peculiar, respeitoso e familiar, muitas têm se tornado adeptas ao plano de parto como um instrumento de tentar ter uma melhor assistência.

Plano de parto é um documento em que a mulher coloca em um papel todas as suas vontades e expectativas sobre o parto, embasada em estudos, em evidências científicas, partilhas com outras mulheres, recomendações das esferas da saúde como a Organização Mundial de Saúde (OMS), por exemplo.

Neste contexto, ela fala sobre como deseja ser tratada (pelo nome por exemplo), se deseja ou não receber medicamento para acelerar o parto, qual a posição prefere para parir, como deseja que seu bebê seja recebido, se ela deseja tê-lo em contato com a sua pele imediatamente após o nascimento, se deseja que o cordão seja cortado três minutos no mínimo após o nascimento. Em caso de cesariana intraparto, pode colocar que não deseja ser amarrada nos pulsos, que deseja o ambiente mais suave e silencioso possível. Importante dizer que o plano de parto serve para qualquer tipo de parto e não somente para partos naturais.

O desejo do plano de parto é tornar esse momento mais humanizado e pode ocorrer em qualquer tipo de parto. O importante é que a mãe expresse seu desejo antes que comece o trabalho de parto propriamente dito.
 
PLANO DE PARTO O QUE É ISSO
 

Vale ressaltar que optar por ter um plano de parto não é frescura, nem coisa de mãe fulana ou mãe sicrana, é para mães que querem o melhor para o seu parto.

Eu como doula e profissional que trabalho nesta linha de um parto respeitoso e humanizado, sempre oriento minhas doulandas a escrevê-lo de próprio punho para que não fique como algo copiado, sem importância e que possa vir a ser ignorado.

Sabemos que hoje a assistência ao parto se divide em duas esferas, a privada e a pública, onde em ambas a mulher tem e deve apresentar seu plano de parto, após elaborá-lo sozinha ou com a ajuda de uma doula. Caso ela tenha equipe particular hospitalar, a mulher deve apresentar no final da gestação deixando a equipe ciente de suas vontades, podendo deixar uma via com o obstetra, o pediatra e a doula.

Caso vá para o plantão privado ela pode enviar um e-mail para a maternidade informando sobre o mesmo e levando no dia; já na rede pública ela pode levar no dia e ser respaldada pela Lei nº 7191, artigo 5º de 06 de janeiro de 2016, que não só fala do plano individual de parto, mas em todo o seu contexto do direito da mulher em receber um atendimento humanizado.

Se possível, essa lei deve ser anexada junto ao plano de parto e independente da esfera pedir que quem a assistir possa assinar a via dela.

O plano de parto não é uma extrema garantia de parto humanizado ou ao menos respeitoso, nossa luta vai bem além, mas já é uma forma de mostrarmos que estamos a cada dia mais conscientes e informadas.

Um super beijo no coração de todas!

 
PLANO DE PARTO O QUE É ISSO





 

 
 
 
 
 
 
 
 
Siga nossas redes sociais

Curta nosso Facebook - Mãespecialista

Siga nosso Instagram - @maespecialista

Siga nosso Pinterest - Mãespecialista






 

Nenhum comentário:

Postar um comentário