O papel da doula no parto


Olá famílias tudo bem?


O mundo da maternidade sempre me encantou, mas é bem verdade que desde que engravidei da Beatriz aprendi, li, refleti, senti, arrependi e muito mais do que em toda vida anterior a isso. Ainda quando morava em Salvador, eu conheci a Jucy e desde então mantivemos um contato pelo Facebook. Acompanhei o trabalho dela se tornando doula e, nesse momento de gravidez que estou passando, achei interessante saber mais sobre o que é uma doula e sua função no parto humanizado.

QUAL O PAPEL DA DOULA NO PARTO
Abaixo, segue o texto da Jucy Cordeiro e no final do post seus contatos. Nem preciso dizer que indico o trabalho dela né?!

Conhecemo-nos há um tempo quando ainda não tínhamos ideia do poder transformador da maternidade. Hoje somos mães e como ocorre com muitas de nós, tomamos rumos que jamais imaginaríamos tomar naquele tempo em que nos conhecemos. Eu doula e ela autora de um blog cheio de amor que compartilha informação e conhecimento deste universo que é ser mãe. É por isso (e por nós mães) que escrevo agora esse texto para falar sobre o papel da doula no parto.

A


final, o que é uma doula?

A doula, que em grego significa mulher que serve, já existe desde que o mundo gira. Ela pode ser comparada aquela ajudante da parteira, que fervia a água, enxugava o rosto da mulher em trabalho de parto, que encorajava a mulher e tranquilizava a família. Era também uma irmã mais velha, uma amiga, uma mãe, mulheres mais experientes e que estavam lá para ajudar, antes, durante e depois do parto.

A verdade é que se ouvirmos as histórias de nossas avós encontraremos muitas mulheres no papel de doula, dando suporte físico e emocional a mulher em trabalho de parto. Vamos perceber também, que o parto era um evento feminino, vivido e compactuado entre mulheres.

A doula que antes eram as mulheres ditas mais experientes foi ficando no passado à medida que o parto foi se tornando um evento medicalizado, guiado por médicos (no início somente os homens poderiam fazer uma faculdade de medicina no Brasil) e dentro de hospitais. A mulher passou a viver esta experiência sozinha, sem a presença de outras mulheres e cheias de procedimentos, os quais muitos deles não são comprovadamente eficientes e necessários (mas esse é um assunto para outro texto).

QUAL O PAPEL DA DOULA NO PARTO

Jucy no seu parto com sua doula.


 
A doula ressurge juntamente com o movimento da humanização do parto, que é um movimento que tira a visão de que o nascimento é algo patológico e sim algo natural e fisiológico e devolve a mulher o seu papel de protagonista do parto. O parto que antes era “feito” por médicos e profissionais passa a ser assistido e acompanhado por estes.

E assim, a doula surge novamente para estar ao lado desta mulher, dando auxílio, suporte, oferecendo métodos não farmacológicos para alívio da dor, lembrando a mulher das suas escolhas e do seu poder de dar a luz a seu filho. Enquanto toda a equipe olha para o momento do parto como um processo técnico, a doula olha apenas para a mulher como outra mulher.

Pesquisas têm mostrado que a atuação da doula no parto reduz as taxas de cesárea, a duração do trabalho de parto, os pedidos de analgesia bem como o uso de ocitocina e fórceps, porém pra mim o papel principal da doula é lembrar a mulher que para parir ela não depende de ninguém, somente dela mesma. Não é a doula que é determinante num nascimento. Determinantes no nascimento são a mãe e o bebê. São eles que fazem todo o trabalho, nosso papel é estar ao lado. Tenho acompanhado muitas mulheres que após o nascimento me dizem: “se não fosse você não teria conseguido”, enganam-se. Conseguiriam sim. Como doula vejo que o meu papel é devolver a mulher algo que sempre lhe pertenceu: o seu parto.


Sobre mim:

QUAL O PAPEL DA DOULA NO PARTO

Me chamo Jucy Cordeiro, sou doula, educadora perinatal e mãe de Lavínia (3 anos), atuo na cidade de Salvador e Feira de Santana-BA com atendimento à gestação parto e pós-parto, tenho uma página no instagram onde também vendo wrap sling para todo Brasil.

Instagram: @ninarbebe

Facebook: Ninar Bebê


Telefone e whatsapp : 71 99109 6512


Muito obrigada querida Jucy por esse post que esclarece a função na doula no parto humanizado. Se você é doula e quer compartilhar seus conhecimentos aqui no blog, basta entrar em contato pelo email [email protected]
 

Você tem perguntas para Jucy ou quer fazer uma sugestão de pauta para o próximo post, deixe na área dos comentários.


Beijos e até a próxima

Blog Mãespecialista
 















Siga nossas redes sociais
Curta nosso Facebook - Mãespecialista
Siga nosso Instagram - @maespecialista
Siga nosso Pinterest - Mãespecialista

11 comentários:

  1. Só quem procura saber muito sobre o assunto sabe a importância de uma Doula. Eu quis muito uma, mas por questões financeiras acabei não tendo uma.

    ResponderExcluir
  2. Muito legal esse post, Bárbara! É extremamente importante que as pessoas tomem conhecimento da importância das doulas. Não tive a oportunidade de tê-las comigo no parto do Caio,mas se engravidasse, com certeza teria uma!

    ResponderExcluir
  3. Durante minhas gestações, morava numa cidade bem pequena do interior gaúcho e nunca ouvi falar em doula.
    Mas ano passado tive a oportunidade de conhecer uma e palestrar ao seu lado. Aprendi muito e me encantei pela profissão delas.

    ResponderExcluir
  4. Eu queria ter tido mais informação na época da minha gestação e optaria com certeza pelo serviço e acompanhamento de uma doula para me orientar. Aposto que meu parto teria sido guiado para algo muito mais natural.

    ResponderExcluir
  5. Gostaria de ter tido uma doula me acompanhando nos partos.
    Meus dois foram normais mas queria que tivessem tido menos intervenções...
    bjs
    Lele

    ResponderExcluir
  6. Isso é verdade Helena. A doula ajuda no plano de parto e nas intervenções realmente necessárias.

    ResponderExcluir
  7. Eu também passei por isso Beatriz e concordo plenamente bjs

    ResponderExcluir
  8. Que legal! Eu conheci uma doula ótima e queria muito ter conhecido uma durante as minhas gestações, mas elas são bem importantes para esses momentos!
    Beijos, Laura
    www.maede2.com.br

    ResponderExcluir
  9. Gabi, existem muitas alternativas! Inclusive de doulas voluntárias! Posso te garantir que é possível. existe um mito muito grande em relação à cobrança de preços exorbitantes para se ter uma doula, mas não é bem assim! Tudo também é uma questão de prioridades, mas tenho certeza que pode conseguir uma doula. Negocie, fale das suas possibilidades que jamais uma doula te deixará sem esse apoio. É uma questão que vai além do financeiro! Um grande abraço e qualquer coisa pode me add no whatsapp: 71 99109 6512.

    ResponderExcluir
  10. Achei o post de muita utilidade, na minha época, quase 5 anos atras, eu não sabia dessas informações e gostaria de ter tido acesso a elas porque são super importantes!

    ResponderExcluir
  11. Muito legal o post. Eu tive o acompanhamento da Stephanie dos meus dois partos. Foi muito tranquilizante. Melhor ainda doi o apoio e ajuda nos pós-parto e nos primeiros dias das minhas bebês.
    Beijos
    Chris

    ResponderExcluir